Teste de carbono data a Pirâmide da Bósnia em 25 mil anos - Universidade Ufo Brasileira

ULTIMAS

A Universidade ufo Brasil é um site responsável em orientar As Pessoas os casos ufologicos e misterios

ANUNCIOS

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Universidade Ufo Brasileira , Teste de carbono data a Pirâmide da Bósnia em 25 mil anos , Intrigante ,
Teste de carbono data a Pirâmide da Bósnia em 25 mil anos 4 5 1

Teste de carbono data a Pirâmide da Bósnia em 25 mil anos

O que podemos dizer do que realmente sabemos sobre história? Bom, não muito. O que pensamos que sabemos está mudando constantemente à luz das novas descobertas.

Uma recente datação de carbono realizada na pirâmide da Bósnia, prova que ela possui pelo menos 25 mil anos de antiguidade.
Datação de carbono assinada em 18 de Agosto de 2012 comprovando que a Pirâmide da Bósnia possui aproximadamente 25 mil anos.
A maioria dos cientistas e historiadores porém, acreditam que a civilização humana começou há uns 5.000 anos com os sumérios e os babilônios. Ou seja, até que fossem encontrados artefatos que os precedem. Estas descobertas sugerem que houve uma civilização pré-histórica em todo o mundo, uma que deve ter sido muito avançada.


Dois arqueólogos italianos, Dr. Brett Ricarrdo e Bisconti Niccolo encontraram um pedaço de matéria orgânica na Pirâmide da Bósnia. Foram capazes de fazer o teste de carbono no material e com isto na própria Pirâmide. Esta datação de carbono coloca as pirâmides 20 mil anos antes das “civilizações” sumérias e babilônicas.
Quando a pirâmide da Bósnia foi descoberta pela primeira vez em 2005, os investigadores só podiam medir a idade da terra vegetal que cobre a pirâmide, que possui ao redor de 12 mil anos de antiguidade.
“Os materiais orgânicos que se encontram na Pirâmide do Sol e análise biológica nos estão dizendo que as pirâmides possuem mais de 12.500 anos. A mais antiga no planeta.”

O leitor estará se perguntando como uma enorme Pirâmide poderia ter permanecido sem ser descoberta na Europa durante tantos anos. Até sua descoberta era conhecida simplesmente como a colina Visoko. Pois é, eles pensaram que era uma colina, o qual não é surpreendente tendo em conta seu tamanho e o fato de que está coberta com terra e vegetação.
Nenhuma entrada para a pirâmide foi descoberta até agora, mas uma intrincada rede de túneis por debaixo da Pirâmide estão lentamente sendo descobertas.
“Sob o vale das pirâmides na Bósnia, há uma rede de túneis subterrâneos mais extensa. Isto percorre durante dezenas de quilômetros. E nesses túneis, a descoberta de grandes blocos de cerâmica alcançando 18-mil libras em massa”.
Ainda existem cientistas e arqueólogos que aproximam a ideia das antigas civilizações antes de cinco mil anos.
Porém, esta última descoberta apoia a teoría de que civilizações muito avançadas existiram, muito antes do começo da nossa atual
Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial